Comentário da prova H.U. / UFAL (SUPERIOR)

Olá, queridos alunos e alunas que prestaram concurso neste último domingo (27/07) para ingresso no Hospital Universitário da UFAL! Acabamos de fazer uma análise da prova para todos os cargos de nível superior e postamos aqui para vocês as respostas comentadas:

Veja aqui a Prova HU-UFAL 2014

COMENTÁRIOS

 01. Resposta E)

Como havíamos comentado em sala de aula várias vezes, embora o edital indique sempre o estudo das principais tipologias textuais, é o texto dissertativo argumentativo o campeão de aparições. Logo, não era de se estranhar essa resposta, dado o caráter opinativo (argumentativo) do texto. Apesar de o escrito informar sobre a regulamentação da Lei Antifumo e explicar, através de dados científicos, os malefícios causados pelo tabaco, como afirmam as alternativas A) e B), esses não são o objetivo principal do texto, como pede o enunciado da questão.

02. Resposta D)

A resposta oficial preliminar oferecida pela organizadora para essa questão é, no mínimo, contestável. Não há subsídios textuais suficientes para afirmar que o autor seja favorável à dita “liberdade individual”, visto que o suposto uso dessa liberdade por parte de fumantes é circunscrito no texto como nocivo à imensa população não fumante. Vale lembrar que não é a noção ampla de liberdade individual que se pede no quesito, mas aquela colocada de acordo com o contexto. Apregoar que o autor mostra-se omisso ou imparcial, em relação ao assunto em pauta, não tem sentido, já que se posiciona claramente contrário a uma “liberdade” que, paradoxalmente, escraviza os próprios fumantes e, sobretudo, os não fumantes. Quanto aos termos “contrário” e “implacável” (letras B e C), há uma proximidade semântica tal que permite o entendimento dos dois como sinônimos no contexto dado. Assim, afirmar que o autor é favorável à citada “liberdade individual” requer um alto grau de subjetividade. Dizer que ele é contrário também permitiria, até certo ponto, afirmar ser o autor implacável em relação ao tópico. A nosso ver, portanto, a questão é passível de anulação.

03. Resposta A)

De fato, percebe-se um tom irônico na fala do autor, ao dizer “Esses senhores”, quando se vale de um tratamento bastante formal para uma situação que não o exige.

04. Resposta D)

Só na alternativa D) há, realmente, a necessidade de empregar o acento grave indicador de crase, já que o verbo “referir-se” – termo regente – exige uma preposição “a” para o seu complemento, e o termo regido secretária admite o artigo definido singular feminino “a”. Na primeira alternativa, a preposição “a” está diante de palavra masculina; na B) a palavra terra está colocada como o contrário da expressão “a bordo”, o que também impossibilita o acento; na C), o acento é facultativo; e na alternativa E) a palavra “casa” é empregada na concepção de próprio lar. O que também elimina o processo de crase.

05. Resposta A)

Nesta questão, os termos em destaque em “defendê-lo” e “contra ele” fazem referência ao um mesmo referente citado anteriormente: cidadão. Trata-se, dessa forma, de elementos referenciais anafóricos.

06. Resposta B)

Levando em consideração o título do texto, nota-se uma estrutura em voz passiva analítica “será vetado”, com destaque não para o agente da ação (agente da passiva que, no caso, nem aparece), como defende a alternativa A), mas para o recebedor da ação (sujeito paciente), como assevera a alternativa B).

07. Resposta C)

O item I está incorreto basicamente porque a divulgação dos perigos do fumo não está proibida; pelo contrário, é até incentivada. O item II erra ao dizer que a autonomia dos estados diante da Lei Antifumo permanece: a lei federal, vale ressaltar, suplanta qualquer lei estadual. Só o item III é verdadeiro, pois ressalta que os prejuízos causados à saúde pelo tabaco devem ser combatidos e encarados como problema de saúde pública.

08) Resposta B)

A expressão coesiva sequencial “Além disso” pode ser substituída perfeitamente por “Ademais”, dado o valor de acréscimo, adição. Na letra A), a expressão “Diante disso” revela a ideia de lugar virtual; na C), “Para isso” indica finalidade; na D) “Até mesmo” confere à sentença uma ideia concessiva; e na letra E), embora o termo “Inclusive” apresente ideia aditiva, o restante da frase se revela incoerente, em relação ao sentido pretendido originalmente. Portanto, só a alternativa B) traz a correta reescrita da frase em tela.

09) Resposta E)

Nesta questão, descartam-se, de primeira, três alternativas: B), pois só no primeiro caso o “que” é pronome relativo (no segundo, trata-se de uma conjunção integrante); C), já que não ocorrem nem generalização, nem aposto; e D), já que os termos em destaque não são indicadores de impessoalidade. Na letra A), embora a primeira afirmativa seja correta – o termo realmente especifica, por se tratar de elemento introdutório de oração adjetiva restritiva –, a segunda afirmação não se sustenta. Já no caso da resposta dada, alternativa E), enquanto a segunda afirmação é coerente, o “que” realmente introduz uma oração que funciona como complemento do verbo antecedente (objetiva direta), a primeira afirmativa contradiz o caráter restritivo da oração, ao afirmar que ela amplia o sentido do termo antecedente (nesse caso, não amplia, restringe). Logo, questão passível de anulação!

10) Resposta B)

Sem dúvida, a única expressão conotativa entre as alternativas é “tornar sua vida um inferno”. Em todas as outras possibilidades, predomina o entendimento denotativo.

Diante disso, resta-nos torcer para que a elaboradora do concurso reconheça alguns equívocos e volte atrás nas duas respostas sob contestação.

Um abraço a todos!

Prof. Eduardo Sampaio

Conheça as nossas turmas gerais de Língua Portuguesa para todos os concursos: 

Veja aqui: http://edusampaio.com/2014/06/22/turmas-2014/

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

 

6 thoughts on “Comentário da prova H.U. / UFAL (SUPERIOR)

  1. rosana disse:

    Obg por sua disposiçao.

  2. jocilene disse:

    Como consigo gabarito completo dessa prova????

  3. Sheylla disse:

    Por favor e a prova de ensino médio? Terá correção?

  4. Jacyara disse:

    Valeu Eduardo, irei recorrer com certeza.”Errei” 3 questões de português a 2, 8 e 9; a 8 realmente foi uma falha, falta de atenção acabei marcando a letra E :(… mas a 2 e 9 não posso perder rsrss…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais de "Textos"
Sua internet é mesmo rápida? faça o teste e comprove.
Orientações oficiais com base na LC 95/98.
Veja se você acrescentaria alguma.
Garanta sua vaga!

Insira abaixo suas informaçães para efetuar o pré-cadastro neste curso.

 
Desafio Linguístico
Newsletter
Cadastre-se e receba novidades em seu e-mail.
82 8816.3133 | 82 9912.0630
made in zeropixel