Comentário do tema de redação Enem 2012

Movimento imigratório para

o Brasil no século 21.

 

A proposta da prova de Redação para o ENEM 2012 exigiu dos candidatos, como de costume, bastante conhecimento de mundo. Tópicos importantes, como desenvolvimento econômico, aumento da produtividade interna, confiança de investidores internacionais no país, bem como a estabilidade diante das crises, em contraponto à derrocada de nações como Portugal, Espanha e Grécia, são fatores preponderantes para o processo imigratório que se observa na contemporaneidade.

Deixar sua pátria, em direção a uma terra desconhecida, não é mais uma tônica entre os que emigram. No século 21, poucos deixariam a segurança de sua terra, mesmo em meio a grandes crises, sem um horizonte promissor, já analisado anteriormente. Elementos ligados à emotividade, como as ligações familiares e afetivas, contam muito para essa decisão. Expatriar-se, para a ampla maioria, não é algo completamente positivo – causa dores, perdas às vezes irreparáveis.  Esses tormentos se acentuam se a partida é forçada, como no caso dos haitianos ou mesmo dos bolivianos citados nos textos fontes estabelecidos na prova.

O Brasil, além de ser reconhecido como país de povo alegre e acolhedor, enche de expectativas aqueles que não encontram em seus países de origem as oportunidades para o crescimento profissional e humano. A nação outrora conhecida como país das bananas, dos índios ou dos macacos, desponta nos últimos anos como campo promissor para centenas de milhares de estrangeiros que veem aqui a chance para recomeçar a vida e reencontrar o rumo da existência ou mesmo a dignidade perdida em suas comunidades de origem.

Todavia, não deveria o candidato expor apenas os elementos atrativos que estimulam a imigração. O país apresenta também muitas mazelas (educação de qualidade questionável, altos índices de corrupção, bem como uma distribuição de renda que o equipara a nações bem menos desenvolvidas). Essas dificuldades internas podem levar a própria população a questionar a imigração estrangeira. Esse jogo argumentativo de problemas e qualidades poderia conferir ao texto um caráter amplamente dissertativo.

É mister ressaltar, ainda, que, propondo um tema como este de 2012, a banca elaboradora do ENEM espera que o candidato revele sua capacidade de leitura do mundo e, por meio dela, discuta os tópicos levantados e revele propostas de intervenção. Isso é um ponto deveras positivo, pois diferencia alunos leitores de não leitores; separa aqueles que se valem de pequenas dicas e previsões de última hora daqueles que fazem uma preparação estruturada, com horário de estudo definido durante todo o ano.

Em nossas turmas de Língua Portuguesa, costumamos ressaltar que o importante não é saber o tema (há muitas possibilidades). O importante é saber escrever! Para quem sabe escrever, não há tema impossível de ser desenvolvido.

Produzir bons textos não é jogar no vazio, lançar ideias desconexas que chegam à imaginação num passe de mágica. Redigir com competência exige dedicação, compromisso, disciplina de campeão. Escrever bem implica escrever e reescrever sempre!

Se você cumpriu essas tarefas fundamentais, desde já,  parabéns! Se esse não foi o seu caso em 2012, reveja seus conceitos e recomece com humildade e confiança!

Conte conosco!

Um abraço!

Curta nossa fanpage:

https://www.facebook.com/PortuguesComEduardoSampaio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais de "Linguagens - Redação"
Orientações oficiais com base na LC 95/98.
Você pode ter uma surpresa com algumas das respostas. Veja aqui.
Aprenda brincando a nova ortografia da Língua Portuguesa!
Veja mais uma dissertação modelo, a partir de um tema de concurso público.
Garanta sua vaga!

Insira abaixo suas informaçães para efetuar o pré-cadastro neste curso.

 
Desafio Linguístico
Newsletter
Cadastre-se e receba novidades em seu e-mail.
82 8816.3133 | 82 9912.0630
made in zeropixel